17 junho 2013

Panela de pressão

Em São Paulo, número de ônibus não cresce desde 2004.
Herança da gestão Serra-Kassab, eleitos em 2004 e que governaram até 2012.

Números são da Secretaria Municipal de Transportes, compilados por reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, que curiosamente cita a administração do PT até 2004, mas omite as gestões seguintes.
A Secretaria Municipal de Transportes, apenas agora, na gestão Haddad, anunciou nova licitação.

O rosário de erros por trás do aumento das passagens.

 
Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.