29 outubro 2015

Estudo do Ipea mostra dados da maior profissionalização dos servidores federais

"Uma das mudanças expressivas observadas foi o aumento da profissionalização [de] servidores nomeados, neste caso medido pelo número de membros das carreiras, ou, de forma mais ampla, pelos servidores públicos que ocupam essas posições", disse o autor da pesquisa, o técnico de Planejamento e Pesquisa do Ipea, Félix Garcia Lopez.

"Apresento três argumentos principais:
  • O primeiro é que, embora se tenha observado ampliação do número de cargos de confiança nos últimos anos, o crescimento segue tendência similar ao crescimento do total de servidores ativos permanentes, e é inferior ao crescimento de outras funções de confiança e cargos comissionados da administração pública federal. 
  • O segundo argumento é que, ao se adotar um dos critérios que balizam parte das análises sobre profissionalização da gestão, observa-se ampliação da profissionalização do serviço público federal nos cargos DAS. 
  • Terceiro, sustento que o debate público atual se concentra de modo desproporcional sobre a questão da politização da gestão e eventual “aparelhamento” estatal – sem amparo empírico suficiente –, e essa preocupação está ofuscando outros aspectos centrais de debate visando qualificar a alta gestão pública e torná-la mais eficiente: a necessidade de se implantar e desenvolver sistemas de avaliação do desempenho mais apropriados à seleção de nomes para as posições de confiança."


Leia o estudo completo.



Fonte: Ipea


A missão do Ipea é:
“Aprimorar as políticas públicas essenciais ao desenvolvimento brasileiro por meio da produção e disseminação de conhecimentos e da assessoria ao Estado nas suas decisões estratégicas”.

 
Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.