25 fevereiro 2015

Ipea é um dos think tanks mais transparentes do mundo


O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) foi considerado, pelo segundo ano consecutivo, o think tank mais transparente do Brasil e o único no país a receber nota máxima.

A conclusão é da Transparify Initiative, organização sem fins lucrativos financiada pela Open Society Foundations e sediada na Geórgia. O ranking de 2015 é composto por 169 instituições do mundo inteiro, sendo cinco do Brasil. O Ipea aparece no topo da lista, entre os 31 think tanks classificados com cinco estrelas.

Para a elaboração do ranking, a Transparify Initiative avaliou 169 instituições. Instituto foi o único a receber nota máxima no Brasil.


Na lista referente às Américas (menos Estados Unidos), o Ipea divide a primeira posição ao lado do Grupo Faro (Equador), do Centre for International Governance Innovation (Canadá), e do International Food Policy Research Institute (uma iniciativa internacional). O relatório de 2014, no qual 21 think tanks de todo o mundo ganharam cinco estrelas, o Ipea também havia sido o único brasileiro a obter a pontuação máxima.

A metodologia de classificação utilizada pela Transparify busca saber se o instituto de pesquisa informa claramente, por meio de seu sítio na internet, quais são as fontes de financiamento adotadas e quanto a instituição recebe de cada fonte. Para conquistar cinco estrelas, um think tank deve deixar claro, da maneira mais acessível possível, quem o financia, o valor recebido de cada fonte, e para quais projetos os recursos foram encaminhados. Os relatórios completos de 2015 e 2014 estão em www.transparify.org (em inglês).








 
Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.