02 junho 2012

Um mestre na periferia

o bruxo do Cosme Velho era na verdade oriundo do morro do Livramento. 

Cético em relação ao progresso, crítico e ao mesmo tempo conservador.

Foi servidor do Ministério da Agricultura, responsável por acompanhar o cumprimento da Lei do Ventre Livre e da Lei de Terras. Machado pôde ali perceber a teimosia do passado brasileiro e a desfaçatez de sua elite, que "mudava de roupa, mas não mudava de pele".

O vídeo é "Machado de Assis: um mestre na periferia", da TV Escola.


A obra completa de Machado de Assis está em http://machado.mec.gov.br/



Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.