18 junho 2012

As multinacionais dos emergentes


Empresas dos países em desenvolvimento estão cada vez mais agressivas em seus investimentos no exterior.

Para se ter uma ideia, o investimento direto externo (IDE) desses países e dos que estão em transição correspondeu a cerca de 30% do IDE mundial em 2010. Em 1990, essa participação era de apenas 5%.

A conclusão é do estudo do IPEA, "Internacionalização de empresas: experiências internacionais" .




 
Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.