21 março 2012

Má notícia

Brasil não conseguirá cumprir meta da ONU de redução da mortalidade materna em 75% até 2015.
A informação é de fonte oficial: o Ministério da Saúde.
 
“Dos objetivos do milênio, o 5º será o único que o Brasil não alcançará”.
Helvécio Magalhães, secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde.



O 5° objetivo de desenvolvimento do milênio, proposto pela Organização das Nações Unidas (ONU), estabelece a redução da mortalidade materna em 75% até 2015.


Os últimos dados do Ministério da Saúde indicam uma redução de 19% das mortes maternas por causas obstétricas entre o primeiro semestre de 2010 (870 mortes) e o primeiro semestre de 2011 (705 óbitos). Segundo Helvécio Magalhães, os principais problemas são a desassistência às gestantes por obstetras e no acompanhamento neonatal.
Os objetivos do milênio propostos pela ONU incluem oito temas, incluindo saúde materna: fome e miséria; educação básica; igualdade entre sexos; mortalidade infantil; combate à aids, malária e outras doenças; qualidade de vida e meio ambiente; e desenvolvimento comercial.

Detalhe: o subfinanciamento da saúde no Brasil é da ordem de 30 bilhões de Reais por ano.


Fonte: Agência Câmara.

 
Para seguir o blog e receber postagens atualizadas, use a opção "seguir", ao lado.