08 janeiro 2012

PT e PMDB devem se enfrentar em 14 de 26 capitais

Alianças podem ocorrer apenas em Goiânia, Rio de Janeiro (mesmo assim, o senador Lindbergh Farias anunciou que é candidato), Belo Horizonte, João Pessoa, Florianópolis e Aracaju.

Em 20/12/2011, eu dizia na Carta Maior (artigo "Brasil 2012)


"... a principal disputa não será entre governo e oposição, mas dos partidos da base entre si. Cada qual quer sair maior das eleições para prefeito e se cacifar para a coalizão de 2014. Principalmente as eleições nas capitais devem retratar o fenômeno"
http://www.cartamaior.com.br/templates/colunaMostrar.cfm?coluna_id=5366



E a matéria da Folha de S. Paulo de hoje (08/01/2012) é a seguinte

Aliados, PT e PMDB devem se enfrentar em 14 de 26 capitais

Matéria de Andréia Sadi e Maria Clara Cabral


Com oposição esvaziada, partidos parceiros no governo Dilma protagonizam a principal rivalidade nas eleições. [...]

Partidos admitem por ora alianças apenas em Goiânia, Rio, Minas Gerais, Paraíba, Santa Catarina e Sergipe. [...]

Com a oposição esvaziada, representantes das duas legendas já avaliam que elas protagonizarão a principal rivalidade no pleito deste ano. [...]
A avaliação da cúpula petista é que a intensidade da disputa é um reflexo da busca por território, já que a oposição está encolhendo.


Siga o blog e receba postagens atualizadas. Clique na opção "seguir", ao lado.